Destruição Segura e Descarte Ecológico de Documentos


Imagem destaque deste post

Impressão de documentos: essa é uma das destinações mais comuns que o papel tem no ambiente corporativo. Em algum momento, esses documentos deixam de ter serventia e precisam ser destruídos para evitar o vazamento de informações sensíveis. É possível fazer isso de maneira segura e ecologicamente correta?

A resposta é sim!

A preocupação com a segurança dos documentos é compreensível e necessária. Foi-se o tempo, porém, em que processos como a incineração eram aceitáveis, já que geram poluição e prejudicam o meio ambiente. Pensando nisso, fizemos este post para apresentar outra solução, que é também um serviço oferecido pela BH Recicla.

A segurança no descarte e destruição de documentos

No decorrer dos últimos anos, a sociedade e, sobretudo as organizações passaram a compreender melhor os riscos aos quais seus dados estão expostos no universo digital, caso não adotem nenhuma medida de proteção.

Por isso, o investimento em soluções de segurança contra o ataque de hackers e o roubo de informações aumentou no país. Mas as preocupações não estão limitadas a esse universo, uma vez que dados sensíveis documentados e impressos também podem ser alvo do interesse de gente mal-intencionada.

Assim sendo, é natural que empresas se preocupem em dar uma destinação segura a documentos cujo prazo de retenção (período pelo qual cada registro precisa ficar armazenado) já expirou. A decisão evita o vazamento de informações e ainda contribui para reduzir a papelada em arquivo, liberando espaço e tornando a rotina na organização mais simples.

O processo para a destruição segura de documentos

Para fazer a destruição de documentos, uma empresa precisa ter bom controle dos registros que mantém em seus arquivos. O prazo para retenção, também chamado de prazo para a guarda de documentos varia de acordo com sua natureza.

É sempre interessante consultar a legislação para realizar esse controle e saber quais documentos já não precisam ser retidos e podem, por segurança, ser destruídos pela empresa. A organização é crucial para evitar que registros ainda em uso acabem passando pelo processo antes do prazo, gerando transtornos.

Uma vez que os papéis a serem destruídos sejam selecionados, a empresa precisa determinar o que fazer com eles. Como mencionado anteriormente, a incineração - processo de queima dos documentos - era uma solução comum e segura, já que é impossível recuperar informações que viraram cinza.

Outras formas de destruição envolvem a dissolução dos papéis com o uso de produtos químicos, mas essa alternativa também gera resíduos poluentes e é, portanto prejudicial ao meio ambiente.

A destruição segura e ecológica de documentos

Para evitar que as ações da empresa gerem problemas para o planeta, a saída é buscar por uma forma segura de destruir os documentos, que seja também ecologicamente correta.

O processo de trituração dos documentos já é bem conhecido e até praticado por parte das organizações. O interessante, porém, é ir além e garantir a reciclagem das tiras de papel, caracterizando um descarte seguro e ecológico desses registros. E, para evitar quaisquer erros, o mais interessante é realizar a contratação de um serviço especializado para esse processo.

A BH Recicla oferece esse serviço às empresas e pessoas físicas de maneira paga. Fazemos a destruição dos documentos e mídias seguindo as orientações dos clientes, com total sigilo e emissão de um certificado de destinação de resíduos para registrar a realização e sustentabilidade do processo.

Esse procedimento gera um custo elevado e é por isso que, diferente da coleta gratuita de eletrônicos, cobramos pela realização desses serviços.

Você ou sua empresa estão precisando destruir e descartar documentos e mídias de forma segura e ecológica? Entre em contato e informe-se sobre os valores e condições dos novos serviço prestado pela BH Recicla!


Gostou?

Que tal compartilhar este artigo?

Facebook icon

Receba nossas notícias na sua caixa de emails!

Se inscreva abaixo para receber emails periódicos com conteúdos relevantes sobre sustentabilidade e a cidade ;)

Deixe seu comentário :)